Secretaria da Educação do Estado terá representante na banca de avaliação do vestibular indígena da Universidade de Brasília

Por conta do trabalho pioneiro de fortalecimento da Educação Escolar Indígena, tanto na rede básica como no Ensino Superior, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) foi a única do país convidada para participar da banca de avaliação dos candidatos que concorrem ao terceiro vestibular indígena da Universidade de Brasília (UnB). Para representar a rede estadual de ensino, o coordenador estadual de Educação Escolar Indígena da SEC, José Carlos Magalhães, irá compor a banca de entrevistas – correspondente à segunda fase do concurso –, que acontece neste domingo (24) e na segunda-feira (25), em sete cidades, entre as quais São Gabriel da Cachoeira (AM), para onde o representante da SEC foi designado.

O coordenador José Carlos Magalhães considera que a participação de um representante da Educação Escolar Indígena da rede estadual na banca de avaliação  (formada por professores da UnB e estudantes da pós-graduação indígena) do vestibular indígena da UnB propicia o exercício dos diálogos interculturais, bem como coloca em foco a modalidade educacional e o protagonismo indígena a partir do acompanhamento e assessoramento das atividades e ações direcionadas aos estudantes indígenas nas universidades brasileiras, contribuindo para o fortalecimento e desenvolvimento da formação superior para os povos indígenas do país.

“O convite se deu graças ao fato de a Bahia ser um Estado pioneiro na atuação na Educação Escolar Indígena, com experiências de boas práticas na nossa rede estadual, a exemplo da criação da categoria professor indígena no quadro do magistério baiano e a realização do primeiro concurso público específico para professor indígena do país”, comenta o coordenador.

Vestibular indígena UnB/FUNAI – Supervisionado por um Comitê Gestor – constituído por membros da comunidade acadêmica, com participações docente e discente da FUNAI e do Ministério da Educação (MEC) –, o vestibular indígena da Universidade de Brasília é realizado a partir de um Acordo de Cooperação Técnica com a Fundação Nacional do Índio (FUNAI), firmado em 2015. O concurso tem como objetivo cumprir a política de ação afirmativa a partir do acesso e da permanência de estudantes indígenas nos programas de graduação da instituição de Ensino Superior. As oportunidades atuais são para o ingresso em cursos de graduação na universidade no segundo semestre de 2019. São 85 vagas, distribuídas entre 30 cursos presenciais nos campi Darcy Ribeiro (Asa Norte), Ceilândia (FCE) e Planaltina (FUP), em Brasília.

Só puderam concorrer às vagas os candidatos indígenas que tinham cursado ou que estivessem cursando a maior parte do Ensino Médio em escolas da rede pública ou da rede particular, desde que por meio de bolsa de estudos integral ou parcial. A avaliação consiste em uma prova objetiva e de redação em Língua Portuguesa, a ser realizada neste sábado (23), nos polos regionais das cidades de Aracruz (ES – Aldeia Caieiras Velhas), Boa Vista (RR), Brasília (DF), Imperatriz (MA), Manaus (AM), São Gabriel da Cachoeira (AM), Tabatinga (AM) e Tacaratu (PE – Aldeia Brejo dos Padres), e, agora, a fase da entrevista pessoal.

Governador Rui Costa chega a 319 escolas visitadas na Bahia durante agenda em Camaçari

O governador Rui Costa chegou a 319 unidades escolares visitadas, nesta sexta-feira (15), durante passagem pela cidade de Camaçari. Acompanhado pelo secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, e da equipe técnica da Secretaria, Rui esteve no Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) da Região Metropolitana e no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, quando conversou com a comunidade escolar e conheceu as dependências das escolas, a exemplo de salas de aula, biblioteca, laboratórios, quadra esportiva e outros ambientes pedagógicos.

Visita do Governador Rui Costa e Secretario Jeronimo Rodrigues  ao Cetep e Colegio Modelo de Camacari (165) (1)

Na oportunidade, o governador Rui reafirmou o seu compromisso com a Educação e falou da soma de esforços que estão sendo empreendidos para melhor o processo de ensino e aprendizagem dos estudantes. Além de visitar as escolas, Rui também está participando de um encontro com diretores, vice-diretores e coordenadores pedagógicos nos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTE), para o levantamento e resolutividade das demandas apresentadas, desde a infraestrutura até o pedagógico.

 

O secretário Jerônimo Rodrigues falou sobre a iniciativa das visitas e de se estreitar, cada vez mais, o contato com a comunidade escolar em toda a Bahia. “O governador veio fazer uma agenda importante na Região Metropolitana aqui em Camaçari, com vários anúncios e, como sempre, visitou escolas. Já tínhamos nos reunido com ele para ampliar a área de lazer, laboratórios e equipar nossas salas para garantir, naturalmente, uma boa qualidade de trabalho e aprendizagem. E, a gente fica muito contente quando o governador vem direto para as escolas, escuta os estudantes e os profissionais da Educação, para que possamos garantir o mínimo de estrutura a estas duas escolas”, afirmou, ao acrescentar que, ainda neste ano, as duas unidades de ensino serão beneficiadas com a implantação de quadra de campo e outros projetos que irão fortalecer o processo de ensino e aprendizagem dos estudantes.

 

A diretora do CETEP, Márcia Rejane Bezerra Vigas, falou sobre a visita. “Queríamos muito que eles conhecerem a nossa realidade, pois é uma unidade escolar de referência em Camaçari”, afirmou. O estudante Carlo Elchami, 17, do curso técnico em Química, ficou entusiasmado com este dia diferente na escola. “Tê-los olhando para a gente de pertinho é reconfortante, pois sei que vamos ter novas melhorias que irão beneficiar toda a comunidade escolar”, comentou.

 

Já o diretor do Colégio Modelo, Gilson Macedo, falou sobre as suas expectativas. “Em função da visita do governador e do secretário, acredito que teremos muitas melhorias na escola, pois eles acabam vendo as demandas para que, a partir disso, possam incrementar algo novo”, destacou.

 

Protagonismo – A estudante Ana Beatriz de Oliveira Souza, 16, que cursa o 1º ano no Colégio Estadual Aristides de Souza Oliveira, teve a oportunidade de acompanhar de perto a agenda do governador Rui Costa, em Camaçari e Salvador, após convite realizado por Rui. Ela foi eleita governadora mirim pelos colegas durante uma votação simulada com urna eletrônica, realizada em 2018, no Centro Estadual de Educação Profissional, Formação e Eventos Isaías Alves (ICEIA), em Salvador. “Foi uma experiência muito interessante poder acompanhar o governador durante todo o dia e percebi que realmente é uma correria, pois fizemos a inauguração de um Posto de Saúde aqui em Camaçari e, também, visitamos duas escolas. Além disso, é muito gratificante ver o quanto ele se importa com as escolas, estudantes e a Educação da Bahia”, enfatizou.

 

Fotos: Claudionor Jr

Secretaria da Educação do Estado promove encontro formativo sobre Educação no Campo

Representantes das Escolas Família Agrícola (EFA) e Casas Família Rural (CFR), participaram, nesta quinta-feira (14), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), do III Encontro Formativo promovido pela Secretaria da Educação do Estado. O encontro teve o objetivo de avaliar as ações realizadas em 2018 e planejar as ações do ano letivo corrente, com foco nos projetos da Educação do Campo.

Formação com representantes das Escolas Famílias Agrícolas no IAT -foto. Emerson Santos (2)

O superintendente de Políticas para a Educação Básica da Secretaria da Educação do Estado, Ney Campello, que representou o secretário Jerônimo Rodrigues na atividade, falou sobre a importância do encontro. “Esta atividade visa a preparação daqueles que são responsáveis por estas 29 escolas, para que possam assegurar qualidade no ensino e aprendizagem dos estudantes do campo, que usam a pedagogia alternativa e que integram a cultura local. Esse ano, o Estado irá fazer um grande investimento para assegurar o funcionamento pleno dessas escolas e estes encontros formativos estimulam uma maior participação das famílias, escolas e estudantes, a partir desta visão territorial e contextualizada da Educação”, destacou.

Para o representante da Associação das Escolas das Comunidades e Famílias Agrícolas da Bahia (AECOFABA), José Guimarães, os encontros formativos são essenciais para o trabalho que é desenvolvido nas unidades escolares do Campo. “É um momento de capacitação, informação e repasse de dúvidas. A nossa expectativa é a de que tenhamos um bom ano letivo com esta nova gestão da Secretaria, pois sabemos do compromisso do secretário com a Agricultura Familiar, que é conhecedor do nosso movimento”, afirmou.

Já o representante da Rede das Escolas Famílias Agrícolas Integradas do Semiárido (REFAISA), Marcos André de Oliveira, afirmou que “a formação é muito importante para as nossas escolas devido aos termos de cooperação que estão em exercício e, a partir disso, todos os representantes das escolas têm a oportunidade de serem orientados para melhor executar seus respectivos termos de cooperação”, esclareceu.

 

Fotos: Emerson Santos

Estudante da rede estadual vivenciará a rotina de governar o Estado na sexta-feira a convite de Rui Costa

A estudante da rede estadual de ensino, Ana Beatriz Oliveira, 16, 1º ano, do Colégio Estadual Professor Aristides de Souza Oliveira, vivenciará a rotina de trabalho de um governador. Ela irá acompanhar a agenda do governador Rui Costa, nesta sexta-feira (15), nos municípios de Salvador e Camaçari. O convite foi feito pelo próprio governador da Bahia à Ana Beatriz, que foi recebida na Governadoria,  na terça-feira (12). A estudante foi eleita governadora mirim pelos colegas, durante uma votação simulada com urna eletrônica, realizada em 2018, no Centro Estadual de Educação Profissional, Formação e Eventos Isaías Alves (ICEIA), em Salvador.

papoCorreria7

A votação simulada com urna eletrônica foi promovida pelo Programa Justiça Eleitoral Itinerante, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em parceria com a Escola Judiciária Eleitoral (EJE), por meio do projeto Políticos do Futuro, que na Bahia tem a parceria da Secretaria da Educação do Estado e do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Ao receber a estudante, o governador destacou o protagonismo estudantil na rede.

Ana Beatriz, que esteve na atividade acompanhada pela professora de História Rosa do Amparo, começará a rotina na sexta-feira logo cedo, quando tomará café da manhã com o governador no Palácio de Ondina, onde ele mora com a família. Ana Beatriz falou sobre as suas expectativas. “Somos o futuro do nosso país. Então, este projeto é uma experiência importante para que, desde cedo, a gente comece a discutir temas que nos dizem respeito como melhorias na Educação, que foi uma das minhas plataformas de campanha. Estou muito ansiosa para passar o dia com o govenador, pois nunca vivenciei uma experiência desse tipo”, revelou a estudante, que na época do projeto estudava no Colégio Estadual Ypiranga.

A diretora do Colégio Estadual Ypiranga, Rosa do Amparo, falou sobre a importância do projeto para a estudante. “É uma iniciativa que ajuda os alunos a desenvolverem o senso de cidadania e de responsabilidade com a nação. Estou muito contente com a oportunidade que nossa ex-aluna está tendo de poder conhecer e passar o dia com o governador Rui Costa”, disse a gestora.

Fotos: Divulgação/ GOVBA

Programa Saúde na Escola alcança 100% de adesão dos municípios na Bahia

O Programa Saúde na Escola (PSE) chegou a 100% de adesão dos municípios baianos, ou seja, as 417 cidades do Estado aderiram ao programa nacional que, na Bahia, é realizado pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado (SESAB), com duração de 24 meses e contempla as escolas públicas do município, independentemente da esfera administrativa (estadual, municipal e/ou federal). O objetivo principal do programa é a atenção integral à saúde dos educandos da rede pública, através de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde de forma a empoderá-los para o reconhecimento e, consequentemente, o enfrentamento das situações que os tornam vulneráveis e que possam vir a comprometer o seu pleno desenvolvimento.

 Dia D  da Saúde na Escola Parque (48)

Conforme dados oficiais de 2017/2018, o programa beneficiou 2. 208.896 estudantes em todo o país, tendo a Bahia pactuado 11.564 mil escolas, sendo que 615 são da rede estadual de ensino, que envolvem 345.101 alunos. O coordenador de Educação Ambiental e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fabio Barbosa, destacou a importância do programa como política pública intersetorial para os municípios. “O Saúde na Escola visa a aproximação entre as unidades escolares de todas as esferas públicas com as unidades de Saúde, na perspectiva de uma atenção integral à saúde das crianças, dos adolescentes e dos jovens e adultos do ensino público. As 12 ações prioritárias, ressalta, continuam sendo aquelas da portaria de 2017 e, dentre estas, a orientação que estamos dando, para este ano, é que a primeira atividade a ser realizada nessa parceria entre unidades escolar e de Saúde seja a verificação e atualização da situação vacinal dos nossos estudantes”.

Ações contempladas – O planejamento do PSE no município deve contemplar as seguintes ações: ações de combate ao mosquito Aedes aegypti; promoção das práticas corporais, da atividade física e do lazer nas escolas; prevenção ao uso de álcool, tabaco, crack e outras drogas; promoção da cultura de paz, cidadania e direitos humanos; prevenção das violências e dos acidentes; identificação de educandos com possíveis sinais de agravos de doenças em eliminação; promoção e avaliação de saúde bucal e aplicação tópica de flúor; verificação e atualização da situação vacinal; promoção da alimentação saudável e prevenção da obesidade infantil; promoção da saúde auditiva e identificação de educandos com possíveis sinais de alteração; direito sexual e reprodutivo e prevenção de DST/AIDS; e promoção da saúde ocular e identificação de educandos com possíveis sinais de alteração.

Sobre o PSE – O Programa Saúde na Escola é uma política intersetorial, regido pela Portaria Interministerial nº. 1.055, de 25 de abril de 2017, na qual a articulação, principalmente, dos setores da Educação e da Saúde, é indispensável para efetividade das ações.

Foto: Ilustrativa/Divulgação

– ASCOM

Secretário Jerônimo Rodrigues discute em Brasília a criação de Agenda de Aprendizagem com secretários estaduais de Educação

O Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED) reuniu, nesta segunda-feira (11), em Brasília, os 26 gestores estaduais e do Distrito Federal, para discutir ações prioritárias da Educação, em 2019. Um dos pontos abordados foi a construção da Agenda de Aprendizagem, que deve ser defendida junto ao Ministério da Educação (MEC) com uma pauta de interesse dos Estados. O secretário da Educação do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues, participou do seu primeiro encontro no CONSED desde que assumiu a pasta, em fevereiro deste ano. Na oportunidade, Jerônimo enfatizou os esforços que estão sendo empreendidos na Bahia para o fortalecimento do ensino e da aprendizagem dos estudantes.

reunião_Consed (1)

“O governador Rui Costa iniciou com a gente uma caminhada pelos 27 Territórios de Identidade que compõem o Estado da Bahia, com o objetivo de desenvolver um trabalho para o fortalecimento do ensino e da aprendizagem, mobilizando os gestores, educadores e as comunidades escolares. Estas ações vêm muito alinhadas com o CONSED, que pretende criar uma Agenda de Aprendizagem, onde podemos compatibilizar um desejo específico da Bahia com uma pauta nacional. E tudo isso, vamos conseguir discutindo e dialogando dentro do conselho”, destacou.

Jerônimo ainda enfatizou a importância das reuniões do CONSED para o fortalecimento das agendas estaduais. “Nós estamos bastante envolvidos no dia a dia dos nossos Estados e as reuniões do Conselho nos dão um respaldo técnico, político, de informações e assessoria, principalmente por não podermos estar sempre em Brasília”, afirmou o secretário, ao acrescentar as agendas de interesses comuns dos Estados que são criadas. “Temos aqui a oportunidade desta troca de experiências com Estados que possuem um processo bem encaminhado na estrutura de aprendizagem e sobre pontos que devemos regimentar com outros secretários, para destravarmos questões que acreditamos serem essenciais para o progresso do trabalho. Além disso, há esta rede de parcerias que o CONSED consegue capitanear, tanto no aspecto nacional quanto no estadual, e que pode contribui nesta ação de melhoria da Educação”, afirmou.

A perspectiva do CONSED é a de que a Agenda de Aprendizagem seja entregue ao Ministério da Educação e também oriente a atuação do Conselho e dos seus grupos de trabalho durante o ano. Neste sentido, as discussões do encontro, e que deverão estar neste documento, envolveram temáticas como o novo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB); a continuidade de programas como o Pró-Base Nacional Comum Curricular (BNCC), buscando liberação de recursos para a construção dos currículos dos Ensinos Fundamental e Médio; a continuidade da implementação da BNCC dos Ensinos Fundamental e Médio e a de avaliações, como o Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB).

Foto: Eduardo Colin/ CONSED

Escolas estaduais celebram o Dia Internacional da Mulher

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, que é celebrado nesta sexta-feira (8), as escolas da rede estadual de ensino da capital e interior do Estado realizaram diferentes atividades. Na programação constaram homenagens às educadoras e profissionais da Educação, além de apresentações em sala de aula de pesquisas e conteúdos relacionados ao tema. A data representa as lutas e as conquistas sociais, econômicas e culturais obtidas pela mulher ao longo do tempo e teria surgido, em 1911, a partir da luta de operárias de uma fábrica têxtil, nos Estados Unidos, que teriam morrido carbonizadas. Escolas estaduais comemoram o Dia Internacional da Mulher com atividades  -Divulgação (5)

No Colégio Estadual Sete de Setembro, localizado no bairro de Paripe, em Salvador, os estudantes estão envolvidos no projeto Kayodê, que acontece há duas décadas. O projeto visa empoderar jovens e mulheres negras do bairro, ao trabalhar a identidade afro-brasileira e a valorização da cultura afro. Após pesquisarem sobre os avanços da mulher na sociedade, os estudantes continuarão com a programação na próxima semana, com várias inciativas a exemplo de rodas de conversas com convidadas do movimento negro e da própria comunidade.

Segundo a professora de História do colégio, Marlene Souza Silva, o projeto é muito importante para o desenvolvimento dos estudantes. “A Educação é um grande instrumento de transformação social e de combate ao racismo. Além disso, a escola é a continuidade desse grande quilombo que é o bairro, devido ao número de pessoas negras que moram aqui. Por isto, fazemos questão de homenagear as mulheres negras da comunidade e do entorno através do nosso projeto”, revelou a educadora.

Em Feira de Santana (115 km de Salvador), as professoras do Colégio Estadual Juiz Jorge Faria Góes foram homenageadas durante uma confraternização entre as educadoras. Já em suas respectivas aulas, elas contextualizam a temática da mulher aos conteúdos abordados. Este é o caso da professora de Ciências e Química, Maria da Conceição Gomes, que aproveitou a data para falar sobre os cuidados com a saúde da mulher. “Abordei sobre a importância do uso da camisinha como um método de prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), incorporando o tema à realidade dos estudantes, tendo como gancho o Dia Internacional da Mulher. Aproveitei e fiz um alerta, principalmente, para as jovens alunas sobre os riscos de uma relação desprotegida”, explicou.

A estudante Maria Fernanda dos Santos, 15, 2º ano, disse que gostou muito da proposta de aula. “Discutir temas importantes como este em sala de aula é essencial, pois ajuda a combater o machismo já dentro da escola, mudando o modo de pensar e agir de muitos jovens”, disse a aluna, que está pesquisando sobre o papel da mulher em diferentes áreas como a Política e o Esporte.Escolas estaduais comemoram o Dia Internacional da Mulher com atividades  -Divulgação (2)

Videoconferência – Para celebrar a data, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia realizará uma videoconferência com o tema ‘Mulheres e os desafios na contemporaneidade´, na próxima terça-feira (8), às 8h30, no Instituto Anísio Teixeira (IAT), na Avenida Paralela, em Salvador. A atividade será transmitida para as salas de transmissão dos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTE).

Outra ação da secretaria em alusão ao Dia Internacional da Mulher e ao Mês da Mulher, será o encontro ‘Diálogos com as Juventudes – Mulheres e os Desafios da Contemporaneidade’, que será realizado no dia 29 de março, das 8h às 12h, no Instituto Anísio Teixeira (IAT), com a participação de estudantes.

Fotos: Divulgação

 ASCOM

Secretaria da Educação do Estado e IRDEB alinham ações para a produção de conteúdos dirigidos à comunidade escolar

A Secretaria da Educação do Estado está alinhando ações com o Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB) que possam incrementar, na grade de programação, a produção de conteúdos voltados para estudantes e professores da rede estadual de ensino. O assunto foi debatido, na segunda-feira (18), pelo secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, com a equipe técnica e o diretor do IRDEB, Flávio Gonçalves, durante encontro na sede da Secretaria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

18.02 - Reunião Secretaria da Educação com o IRDEB (1)

Jerônimo disse que estas parcerias visam o fortalecimento do processo de ensino e aprendizagem dos estudantes. “Nós temos que intensificar o uso dos meios de rádio e TV públicos, pois temos uma grande qualidade de conteúdo que pode ser utilizada para atrair os professores e estudantes. Se pegarmos metade dos jovens e educadores da rede que atendemos e colocarmos em contato com esses meios já será uma grande vitória, porque terão um conteúdo de qualidade. A integração entre o Instituto Anísio Teixeira (IAT) e o IRDEB também será muito importante, pois temos o interesse na formação dos coordenadores pedagógicos e professores. Queremos trabalhar nesta perspectiva, fazendo um bom planejamento, mas sempre respeitando os recursos, a estrutura e a qualidade dos profissionais”, destacou o secretário Jerônimo.

O diretor do IRDEB, Flávio Gonçalves, falou do entusiasmo em fortalecer essa integração com a Secretaria da Educação. “Com certeza, com essa integração entre o IAT, a Secretaria da Educação, a TVE, a Rádio Educadora e a sociedade baiana como um todo, com as famílias, os estudantes e os professores, nós conseguiremos avançar bastante de maneira transversal, integrando políticas e ações que já são implementadas, mas também novas iniciativas e parcerias, ofertando cada vez mais conteúdo, e trazendo a sociedade para assistir e se ver representada nesses meios de comunicação”, ressaltou.

 

Fotos: Suami Dias

 

- ASCOM

Matrícula na rede estadual prossegue nesta sexta-feira (25) para novos alunos do Ensino Fundamental

A matrícula da rede estadual de ensino para o letivo de 2019 prossegue até o dia 29 de janeiro, em toda a Bahia. Matrícula do dia – Nesta sexta-feira (25), serão matriculados os novos alunos do Ensino Fundamental vindos da rede particular de ensino ou de outros Estados. O processo para esses estudantes será feito somente presencialmente, em qualquer escola estadual, mesmo não sendo a unidade que vai escolher para estudar.

Na segunda (28) e na terça (29) a matrícula será para os novos estudantes do Ensino Médio que vêm da rede particular ou de outros Estados. Neste caso, o processo também só poderá ser feito presencialmente, em qualquer colégio da rede, e se dará nas diferentes modalidades, a exemplo da Educação Profissional e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Documentação – Para a efetivação da matrícula, deverão ser apresentados na unidade escolar os seguintes documentos: original do Histórico Escolar ou do Atestado de Escolaridade (que deve ser substituído pelo original do Histórico Escolar em até 30 dias); original e cópia da Cédula de Identidade ou Certidão de Nascimento; original e cópia do CPF; original e cópia legível com data recente do comprovante de residência (água, luz, telefone fixo ou móvel, gás encanado, Internet, contrato de aluguel, IPTU e cartão de crédito ou TV por assinatura). Neste ano, se tornou obrigatória a apresentação da original e cópia da Carteira de Vacinação para estudantes com até 18 anos.

O ano letivo de 2019 da rede pública estadual começará no dia 11 de fevereiro e se encerrará no dia 16 de dezembro, totalizando uma carga horária mínima de 800 horas, distribuídas em 200 dias letivos.

 Matrícula 2019 no Col. Rômulo Galvão - foto. Emerson Santos (9)

Cronograma de matrícula

- Sexta-feira (25) – Novos alunos do Ensino Fundamental vindos da rede particular de ensino ou de outros Estados e que passarão a integrar a rede estadual. O processo será feito somente presencialmente, em qualquer escola estadual.

 

- Segunda (28) e a terça (29) – Alunos novos do Ensino Médio que vêm da rede particular ou de outros Estados. A matrícula, neste caso, também só poderá ser feita presencialmente, em qualquer colégio da rede, e se dará nas diferentes modalidades, como exemplo Educação Profissional e Educação de Jovens e Adultos.

Quinta-feira (31) – Confirmação de matrícula para os estudantes com necessidade especial(deficiência, transtorno global do desenvolvimento e/ou altas habilidades/superdotação, com ou sem diagnóstico comprovado) que fizeram a inscrição na pré-matrícula, no mês de novembro. Os pais ou responsáveis deverão comparecer à unidade escolar indicada no cadastro no dia 31 (quinta-feira) para a entrega da documentação exigida para a consolidação do processo.

 

Matrícula pela INTERNET

Concluintes do 5º e 9º ano do Ensino Fundamental – Salvador

Concluinte do 9º ano do Ensino Fundamental

1- Abaré

  1. Acajutiba
  2. Aiquara
  3. Alagoinhas
  4. Baixa Grande
  5. Barreiras
  6. Barro Preto
  7. Barrocas
  8. Bom Jesus da Lapa
  9. Cairu
  10. Camaçari
  11. Camamu
  12. Carinhanha
  13. Chorrochó
  14. Coribe
  15. Dario Meira
  16. Dias d’Ávila
  17. Eunápolis
  18. Feira de Santana
  19. Firmino Alves
  20. Gloria
  21. Gongogi
  22. Guaratinga
  23. Ibiassucê
  24. Iguaí
  25. Ipirá
  26. Itaberaba
  27. Itororó
  28. Jequié
  29. Jitaúna
  30. João Dourado
  31. Lamarão
  32. Lauro de Freitas
  33. Luís Eduardo Magalhães
  34. Macaúbas
  35. Macururé
  36. Madre de Deus
  37. Maiquinique
  38. Mata de São João
  39. Matina
  40. Nilo Peçanha
  41. Nova Ibiá
  42. Paulo Afonso
  43. Pindobaçu
  44. Pirai do Norte
  45. Potiragua
  46. Porto seguro
  47. Riachão
  48. Do Jacuípe
  49. Riacho de Santana
  50. Santa Cruz da Vitória
  51. Santaluz
  52. São Gabriel
  53. Serra do Ramalho
  54. Serrinha
  55. Simões Filho
  56. Tapiramutá
  57. Vitória da Conquista
  58. Xique-xique

 

Foto: Emerson Santos