Conteúdos da matriz curricular são abordados durante a semana na TV Educa Bahia

A TV Educa Bahia apresenta, nesta semana, uma programação diversificada, aliando educação, cultura e aprendizagem. Durante todos os dias, a TV aberta (canais: http://bit.ly/sintonizeEducaBahia) transmite videoaulas dos diferentes componentes curriculares e programas, em parceria com o Canal Futura da Fundação Roberto Marinho, que prometem levar o telespectador a grandes aventuras no mundo do conhecimento. 

Foto: Cena do programa “Show da História”

Assista também on-line: https://bit.ly/3uUfmJS 

Nesta semana, a série “Sementes do amanhã” viaja até cidades do Norte baiano, na região histórica de Canudos e Uauá, mostrando o trabalho de moradores para preservar o umbuzeiro, uma árvore símbolo da Caatinga, responsável pela produção do umbu. O programa “O que tem lá” apresenta costumes de diversos povos do mundo, incluindo traços da cultura da Nova Zelândia, México, Cazaquistão e Inglaterra. O programa “Vai dar match” auxilia os estudantes a escolherem uma futura profissão. Nesta semana, será mostrado o cotidiano de programadores, marketeiros, organizadores de espaço, maquiadores e estilistas.   

>> Veja a programação (https://bit.ly/3oJpvGX

Para aprofundar os conhecimentos nos conteúdos da matriz curricular, o programa “Videoaulas” reforça os estudos de química nuclear, força, empuxo, DNA, eletricidade, sintaxe, funções, iluminismo e romantismo, advérbio, adjunto adverbial, nutrição e estudos de solo. Outra opção é assistir às séries “Ciências para todos” , “Show da história”, “Tá ligado”, “Português daqui, Português de lá” e “Tecendo o texto”, que apresentam aos estudantes um formato lúdico para propiciar mais contato com as disciplinas. Para reforçar os estudos em História e Geografia, o programa “Vamos aprender” apresenta, nesta semana, uma série sobre cultura indígena, construção da democracia brasileira e estado geopolítico.  

Durante todas as semanas, a TV Educa Bahia traz aulas do Ensino Médio, de 8h às 10h30 (1° ano); das 10h30 às 13h (2° ano); e das 14h50 às 17h30 (3° ano). Para os estudantes do Ensino Fundamental são transmitidas aulas da faixa “Vamos aprender”. O 4 ° e 5° ano têm programação das 13h às 13h30; o 6° e 7° ano, das 13h30 às 14h10; e o 8° e 9° ano, das 14h10 às 14h50. 

Disponível na TV Aberta (canais: http://bit.ly/sintonizeEducaBahia) em todos os 27 Territórios de Identidade, a TV também pode ser assistida através do portal http://educabahia.ba.gov.br. No mesmo site é possível ver qual é a programação diária da emissora, com os horários e conteúdos exibidos. A iniciativa faz parte do conjunto de ações implementadas pelo Governo do Estado para o ano letivo 2020/2021, que está sendo realizado de forma 100% remoto, nesta primeira fase. 

Consórcio Nordeste lança Câmara Temática de Educação

O Consórcio dos Estados do Nordeste promoveu, na última terça-feira (25), durante encontro virtual, o lançamento das Câmaras Temáticas de Educação, Turismo e Energias, que têm o objetivo de identificar e apresentar planos de ações que possam ser integradas aos nove estados. Na oportunidade, ainda foram apresentados aos participantes os planos de ação da Câmara Temática de Meio Ambiente.

O subsecretário da Educação do Estado da Bahia, Danilo Souza, que representou o secretário Jerônimo Rodrigues, falou que a execução das políticas pública é fortalecida com o Consórcio Nordeste. “Podemos realizar a aquisição em conjunto de insumos, equipamentos e materiais para obtermos melhores preços e qualidade. Podemos construir uma agenda de educação à distância, articulando as diversas universidades estaduais para fomentar o acesso ao Ensino Superior, além da implantação da Universidade Aberta do Nordeste voltada à formação de professores para a região”.

Ainda foram destacados, durante o lançamento, o fortalecimento do ensino remoto e a universalização do acesso à rede de internet de alta velocidade nas escolas.  

O governador do Piauí, Wellington Dias, que atua como presidente do Consórcio dos Governadores do Nordeste, destacou como funcionam as câmaras temáticas. “A ideia é trabalhar na perspectiva da integração entre os nove estados. E este planejamento vai seguir o direcionamento que os governadores entenderem ser prioridade e que seja pactuado entre todos. Queremos ser a região que apresente o melhor crescimento nos índices de desenvolvimento. A proposta ainda é o retorno estratégico do Grupo das Universidades, para se agregar às demais câmaras temáticas”.

O secretário executivo do Consórcio dos Estados do Nordeste, Carlos Eduardo Gabas, ressaltou que o objetivo é formar 18 câmaras temáticas com a participação direta dos governadores. “A lógica do Consórcio é respeitar a autonomia dos estados, disseminar as boas práticas e aprender com os planejamentos que estão dando certo na região. E, com as câmaras, queremos uma ação integrada contando a coordenação de governadores, que ficarão responsáveis diretos por dois temas”.

O projeto das Câmaras Temáticas nasce da necessidade de qualificar a atuação do Consórcio Nordeste como ferramenta de pactuação e de gestão, apoiando as ações governamentais dos estados consorciados, ampliando os vínculos territoriais e fortalecendo as redes colaborativas, ressignificando a ligação de setores com maior cooperação e coerência, com respeito as especificidades de cada Estado (Resolução n°12 /2020, de 28 de dezembro de 2020).

Foto: Divulgação

Estudantes elegem líderes escolares na Rede Estadual

Começaram na segunda-feira (24), e seguem até o dia 28 de maio, as eleições para líderes de escola da rede estadual de ensino. O processo faz parte das ações da Secretaria da Educação do Estado (SEC) para incentivar o protagonismo estudantil de modo que possam contribuir com a gestão participativa das escolas e dialoguem sobre a educação junto à sua comunidade. Poderão concorrer ao cargo os líderes e vice-líderes de classe e, após esta etapa, ainda acontecem, de 7 a 11 de junho, as eleições para líder do município; e de 21 a 25 de junho, para líder do Núcleo Territorial de educação (NTE). 

Foto ilustrativa/feita antes da pandemia

O coordenador de Políticas para a Juventude da Secretaria da Educação do Estado (SEC), Jocivaldo Bispo, destacou a importância das novas etapas no processo de eleição de líderes. “A proposta foi fortalecermos, ainda mais, o protagonismo estudantil. Por isso, a novidade para esse ano serão as etapas escolar, municipal e territorial das eleições. Acreditamos que a participação colaborativa do estudante contribui de forma fundamental na melhoria da gestão e na oferta do ensino na rede estadual”. 

Para as eleições, a unidade escolar deverá abrir um formulário on-line para a votação, que acontece das 8h às 22h no dia da eleição. Para as eleições subsequentes, somente poderão concorrer os eleitos nas eleições anteriores e poderão participar tanto os líderes, quanto os vice-líderes. 

As escolas que não conseguirem realizar as eleições nos prazos determinados pela portaria deverão comunicar, em tempo hábil, ao NTE e à SEC as condições determinantes para a não realização do processo e propor datas possíveis para realizá-las. 

Encerram nesta quarta-feira (19) as inscrições dos 44 cursos gratuitos de qualificação profissional para a rede estadual de ensino

Encerram nesta quarta-feira (19) as inscrições dos 44 cursos gratuitos de qualificação profissional para a rede estadual de ensino. Com aulas a serem iniciadas no dia 31 de maio, os cursos ofertados são de Educação à Distância (EAD), ligados ao Programa Educar para Trabalhar, e as inscrições podem ser realizadas no endereço https://bityli.com/MgdKr. As vagas são destinadas aos estudantes regularmente matriculados no Ensino Médio da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2020/2021, além dos egressos do Ensino Médio ou de cursos técnicos de nível médio (Educação Profissional e Tecnológica) que concluíram entre os anos de 2016 e 2020.

Foto: Ilustrativa


Dentre os cursos ofertados, distribuídos em 10 Eixos Tecnológicos, destacam-se: Programador de Dispositivos Móveis; Operador de Tratamento de Águas e Afluentes; Operador em Petróleo e Gás; Confeiteiro;  Assistente de Recursos Humanos; Auxiliar Agropecuário; e  Organizador de Eventos. A relação completa dos cursos e demais informações podem ser acessadas no endereço www.educacao.ba.gov.br/educarparatrabalhar.
O estudante que está matriculado regularmente no Ensino Médio poderá escolher qualquer curso do seu interesse para fazer a sua inscrição. Já o estudante matriculado em um curso técnico da rede estadual realizará a inscrição em um dos cursos FIC (qualificação profissional) do mesmo eixo tecnológico do seu curso técnico. A metodologia de ensino utilizada será de Educação à Distância (EAD), com atividades remotas realizadas com o apoio de monitores, tutores e equipe de apoio para o desenvolvimento das atividades pedagógicas e de apoio ao estudante.
Requisitos – Entre os requisitos para a inscrição, o candidato deve ser residente e domiciliado no Estado da Bahia; possuir Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) válido; ser estudante regularmente matriculado no Ensino Médio da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2020/2021 e possuir frequência neste ano letivo; ou ser egresso do Ensino Médio e do curso da Educação Profissional Técnica de Nível Médio da rede pública estadual, no período de 2016 a 2020.


Seleção – O processo de seleção dos candidatos inscritos será feito por Sorteio Eletrônico, no dia 20 de maio. A listagem com o resultado parcial do processo de seleção com a indicação dos nomes dos classificados será divulgada na mesma data do sorteio e o resultado final, no dia 23 de maio, ambos no Portal da Educação. A matrícula será realizada no período de 23 a 30 de maio, de forma automática, sem a necessidade da presença do candidato.

Professores e funcionários da Educação de Juazeiro e Laje recebem vacina contra o Coronavírus

Os professores e demais profissionais da Educação das escolas estaduais continuam sendo beneficiados com a vacina contra o Coronavírus. A iniciativa está sendo realizada por meio da parceria das secretarias estaduais da Educação (SEC) e da Saúde (SESAB), juntamente com as secretarias municipais. A aplicação do imunizante nos municípios segue um cronograma por idade. 

Foto: Divulgação

Em Juazeiro, a professora Gismenia Maria Souza, que atua no Colégio Democrático Estadual Professora Florentina Alves dos Santos, já recebeu a primeira dose da vacina. “Estou muito emocionada com esta vacina, pois é um momento muito aguardado pelos professores e funcionários da Educação. Queremos voltar à sala de aula com segurança para todos”, afirmou.

Da mesma cidade, Roberval Leal, diretor do Centro Regional de Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (CEMIT) Sertão do São Francisco, também foi vacinado. “É uma emoção participar deste momento, pois nos sentimos gratificados pela oportunidade. Estou feliz pelos demais colegas que também estão sendo beneficiados com a vacina”, comentou.

A ação também contemplou os educadores do município de Laje. Foi o caso do professor de Língua Portuguesa, Roque Raimundo de Souza, do Colégio Estadual Ruy José de Almeida, que também recebeu a primeira dose da vacina. “Trata-se de um momento muito importante e indispensável para o retorno às aulas presenciais, quando for possível.  Entendo que esta é a única solução segura para que se possa ter o contato com toda a comunidade escolar”, salientou.

Vacinação – O cronograma para a aplicação das vacinas é divulgado pelos municípios, de acordo com o recebimento de novas remessas dos imunizantes. Serão vacinados todos os educadores e trabalhadores da Educação Básica e do Ensino Superior de todas as redes estadual, municipais e privadas. A SEC e a SESAB estão em constante contato com as secretarias municipais de Saúde e de Educação, bem como com a União dos Dirigentes Municipais da Educação (UNDIME) e União dos Prefeitos da Bahia (UPB), para o acompanhamento e suporte da ação nos municípios.

Educadora FM lança nova programação, inaugura novos estúdios e novo transmissor

A Educadora FM ganha uma maior diversidade na programação e uma ampliação da cobertura de seu sinal na Bahia. Na cerimônia ao vivo, neste sábado (8), transmitida na TVE, na Rádio Educadora FM e nas redes sociais, foram apresentadas as novidades para os ouvintes com a nova programação musical e os novos programas jornalísticos e musicais. A emissora de rádio pública baiana também inaugurou seus novos estúdios e um novo transmissor.

Foto: Ascom/ IRDEB


O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, ressaltou a importância do sistema público de comunicação para a sociedade baiana. “É uma entrega histórica para a comunicação baiana. O IRDEB propicia  um conteúdo feito para o povo, e sobre a história da nossa população. É de grande  importância ter uma rádio que possua um papel educativo de preservar a cultura e difundir a Educação em todo Estado. Além da entrega física, que é um equipamento que vai possibilitar a mais de cinco milhões de ouvintes o acesso a programação da rádio, temos uma inovação técnica para continuar passando uma programação feita com qualidade para a Bahia.”

Foto: Ascom/ IRDEB


Flávio Gonçalves, diretor-geral do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB), falou sobre a importância da Educadora FM e as novidades implantadas. “A rádio pública é um patrimônio do povo baiano e presta um serviço essencial e único. Este é o maior investimento realizado, simultaneamente, desde a sua fundação, há mais de 40 anos. Os ouvintes terão uma experiência mais agradável, com uma programação muito mais diversa. Os novos estúdios permitirão uma interação com as redes sociais e produções musicais e jornalísticas, em parceria com a TVE. O moderno transmissor garante que agora o sinal chegue com qualidade a mais de cinco milhões de baianos”.
A emissora inaugura os novos estúdios após uma reforma completa do prédio que abriga a rádio há 43 anos. Um dos novos estúdios permitirá a transmissão ao vivo de apresentações musicais e o outro, a transmissão de conteúdos jornalísticos. Além disso, a Educadora FM conta agora com um novo transmissor em substituição ao que funcionou por mais de três décadas. A aquisição foi possível a partir de uma emenda parlamentar do senador Jaques Wagner. Com o equipamento, a cobertura será ampliada, superando cinco milhões de baianos com acesso através da frequência 107.5 FM.
A nova programação foi criada a partir de pesquisas para atender a diversidade de ouvintes da Educadora FM, cuja programação é quase que 80% do tempo musical. A mudança garante, ainda, mais espaço para a música da Bahia, que é reconhecida internacionalmente. A participação dos ouvintes na programação também será ampliada. 
Serão nove programas novos na emissora. As mudanças ocorrem também aos finais de semana, com uma programação que acompanha o lazer do baiano. Haverá mais espaço para samba, forró, ritmos nordestinos, músicas de orquestras baianas, parcerias com DJ´s e novos conteúdos jornalísticos. 
Além disso, a partir de agora, a rádio passa a ter uma nova identidade visual e um novo site. O trabalho realizado pela equipe do IRDEB inclui a nova logomarca da emissora e novas marcas para os programas. Nas redes sociais instagram.com/educadorafmbatwitter.com/educadorafmba e facebook.com/educadorafmba é possível conhecer detalhes da nova programação.
*Com Informações da ASCOM/IRDEB*

Professores e funcionários da Educação das regiões de Jacobina e Itapetinga são vacinados contra o Coronavírus

Educadores, gestores e demais profissionais da Educação das escolas estaduais pertencentes aos Núcleos Territoriais de Educação de Jacobina (NTE 16) e de Itapetinga (NTE 8) estão sendo vacinados contra o Coronavírus, com a primeira dose da vacina AstraZeneca. A ação é uma parceria das secretarias estaduais da Educação (SEC) e da Saúde (SESAB), juntamente com as secretarias municipais. A aplicação do imunizante está sendo viabilizada em cada município, seguindo um cronograma por idade.  

Foto: Divulgação

A diretora do NTE 16, Nazaré Costa Alves, 53, foi vacinada em Jacobina e falou da importância da iniciativa. “A vacinação se configura como um momento extremamente importante para todos nós, oferecendo a segurança necessária para um posterior retorno às atividades educacionais híbridas”, destacou.

Também em Jacobina, foi vacinada a professora Vasti Miranda, do Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Piemonte da Diamantina II. “Foi um momento que envolveu um misto de emoção, medo, esperanças, incertezas e felicidade. Ser vacinada em um contexto tão difícil pelo qual estamos vivendo, em que tantas vidas têm sido ceifadas por este vírus, representa muito mais que uma vacina, é a dose da esperança que recebi”, disse, emocionada.

Em Potiraguá, o gestor do Colégio Democrático Estadual Anísio Teixeira, Levi Nascimento, também recebeu a primeira dose da vacina. “A vacinação significa ter esperança de que estamos caminhando para a superação desta crise sanitária. Juntos, todos poderemos avançar rumo a um objetivo comum: a preservação do bem-estar, da saúde e da vida de todos nós, profissionais da educação. Para tanto, apoiar e participar da campanha de vacinação contra a Covid-19 é fundamental”, afirmou.

O diretor do NTE 8, Alécio Chaves, foi vacinado no início da manhã, no Posto de Saúde Arnaldo Teixeira, em Itapetinga. “A vacinação é um direito de todo o cidadão, é um direito à vida. É a concretização da importância da união do trabalho humano, tendo a ciência como principal instrumento e a reafirmação da essencialidade do Sistema Único de Saúde (SUS)”, comemorou.

O cronograma para a aplicação das vacinas é divulgado pelos municípios, de acordo com o recebimento de novas remessas dos imunizantes. Serão vacinados todos os educadores e trabalhadores da Educação Básica e do Ensino Superior de todas as redes estadual, municipais e privada. A SEC e a SESAB estão em constante contato com as secretarias municipais de Saúde e Educação, bem como com a União dos Dirigentes Municipais da Educação (UNDIME) e União dos Prefeitos da Bahia (UPB), para o acompanhamento e suporte para a ação nos municípios.

Foto: Divulgação

Bolsa Presença reforça a segurança alimentar das famílias dos estudantes da rede estadual

O benefício do programa Bolsa Presença, cuja primeira parcela de R$ 150 já foi creditada desde o dia 27 de abril, nos cartões da bandeira Alelo, está reforçando a segurança alimentar das famílias dos estudantes da rede estadual de ensino inscritas no CadÚnico e em condição de vulnerabilidade socioeconômica. O programa destinará cerca de R$ 280 milhões a 311 mil famílias. A iniciativa do Governo da Bahia visa evitar o abandono escolar e contribuir para fortalecer o vínculo do estudante com a escola e seu processo de ensino e aprendizagem.

Foto: Divulgação


Cada família contemplada receberá o crédito mensal de R$ 150, por seis meses. Com o valor, os beneficiados estão comprando alimentos e materiais de limpeza em supermercados e remédios em farmácias ou utilizando em outras necessidades da família ou do estudante, a exemplo da compra de materiais didáticos.
Este é o caso da dona de casa, Almita do Livramento, mãe dos estudantes Elza Batista, 16, 1º ano, e Elvis Batista, 19, que cursa a modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA), no Colégio Estadual Eurides Santana, em Poções. “Estou muito feliz com este benefício, pois eu e meu marido estamos desempregados, temos quatro filhos e este valor está nos ajudando muito. Comprei vários alimentos no mercado, perto de casa, como carnes, verduras, legumes, frutas e outros produtos”, disse.
Quem também está com a dispensa abastecida é Pedrina Amorim, mãe do estudante Vinícius Amorim, que cursa o 1º e 2° ano no Colégio Estadual Professora Áurea dos Humildes Oliveira, em Aporá. “Sou muito grata por receber este auxílio de R$ 150, pois ajudou muito com as despesas da casa com alimentação. Acabei de comprar açúcar, óleo, macarrão, margarina e outros alimentos, bem como alguns produtos de higiene pessoal. Este benefício veio para estimular os alunos e mantê-los firmes na escola. É uma ação que mostra o quanto o governo se preocupa com todos nós”, afirmou. 
*Sobre o programa -* O benefício do Bolsa Presença é por família, mas o aluno pode acumular com os demais benefícios que recebe, ou seja, os R$ 55, por parcela, do programa Vale-alimentação Estudantil e os R$ 100 para os monitores do programa Mais Estudo. O Bolsa Presença, o Mais Estudo e o Vale-alimentação Estudantil somam mais de R$ 410 milhões de recursos próprios do Estado da Bahia.
Além de a família estar cadastrada no CadÚnico, as condições para que o aluno matriculado receba o auxílio Bolsa Presença são: assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar em que esteja matriculado, com frequência mínima de 75%; participação do estudante e da sua família nas atividades e avaliações escolares; desenvolvimento do projeto de vida e intervenção social; e manutenção atualizada dos dados cadastrais na unidade escolar e no CadÚnico.
*Consulta -* A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) disponibilizou um link para a consulta sobre o direito ao Programa Bolsa Presença. A consulta pode ser feita através do sistema SIADIANTE, da SEC, no Portal da Educação (educacao.ba.gov.br) . Quem não tem acesso à internet poderá ligar para a escola e solicitar a consulta no sistema.

Inscrições para 44 cursos de qualificação profissional na rede estadual de ensino se encerram nesta quarta-feira (5)

As inscrições para 44 cursos de Qualificação Profissional ou de Formação Inicial e Continuada (FIC), na modalidade de ensino não presencial de Educação à Distância (EAD), do Programa Educar para Trabalhar, se encerram nesta quarta-feira (5). Os cursos são voltados para estudantes e egressos da rede estadual de ensino e objetivam preparar os jovens e adultos promovendo a inserção e a reinserção no mundo do trabalho. Para se inscrever, acesse o endereço https://bityli.com/MgdKr.  

Foto: Ilustrativa

São 200 mil vagas distribuídas em 11 Eixos Tecnológicos, em um total de 3.567 turmas. Dentre os cursos ofertados destacam-se: Programador de Dispositivos Móveis; Programador Web; Desenhista de Produtos Gráficos Web; Auxiliar de Laboratório de Microbiologia; Agente de Informações Turísticas; Assistente Administrativo; Desenhista da Construção Civil; Operador de Processos Químicos Industriais, Agricultor Agroflorestal; Confeiteiro; Padeiro; e outros. A relação completa dos cursos pode ser conferida no endereço https://bityli.com/j7OjQ.  

Requisitos – Entre os requisitos para a inscrição, o candidato deve ser residente e domiciliado no Estado da Bahia; possuir registro de matrícula junto à SEC; possuir Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) válido; ser estudante regularmente matriculado no Ensino Médio da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2020/2021 e possuir frequência neste ano letivo; ser egresso de curso da Educação Profissional Técnica de Nível Médio da rede pública estadual, no período de 2017 a 2019; e possuir documentação pessoal. 

Seleção – O processo de seleção dos candidatos inscritos será feito por Sorteio Eletrônico, no dia 6 de maio. A listagem com o resultado parcial do processo de seleção com a indicação dos nomes dos classificados será divulgada na mesma data do sorteio e o resultado final, no dia 9 de maio, ambos no Portal da Educação. A matrícula será realizada no período de 10 a 16 de maio. Os cursos terão duração média de três meses e serão distribuídos em três entradas. As aulas da primeira entrada serão iniciadas no dia 17 de maio; as da segunda entrada, no dia 5 de julho; e as da terceira entrada, no dia 30 de agosto. 

Bolsa Presença movimenta a economia baiana e impulsiona comércio local

As famílias dos estudantes matriculados na rede estadual de ensino, inscritas no CadÚnico e em condição de vulnerabilidade socioeconômica, já estão fazendo compras com o cartão do programa Bolsa Presença. A iniciativa deverá beneficiar cerca de 311 mil famílias e alcançar 357 mil estudantes da rede estadual de ensino. Cada família receberá R$ 150 por mês, durante seis meses, totalizando um investimento com recursos próprios do Estado de R$ 280 milhões, que já começaram a movimentar a economia em toda a Bahia. A iniciativa do Governo da Bahia visa evitar o abandono escolar e contribuir para fortalecer o vínculo com a escola e o processo de ensino e aprendizagem.

Foto: Divulgação


O primeiro crédito de R$ 150 já se encontra disponível nos cartões da bandeira Alelo, desde a última terça-feira (27). Com o valor, os beneficiados estão comprando alimentos e materiais de limpeza em supermercados e remédios em farmácias ou utilizando em outras necessidades da família ou do estudante, a exemplo da compra de materiais didáticos.
No município de Cordeiros, com a primeira parcela do Bolsa Presença, João Aparecido Miranda, pai do estudante Adenilson Miranda, que cursa o 2º ano no Colégio Estadual José Moreira Cordeiro, já fez as compras para toda a família em um supermercado perto de sua casa. “Neste momento de pandemia que nós estamos passando, este benefício e o vale-alimentação que meu filho já vem recebendo estão sendo de grande importância para a gente, pois ajuda muito nas despesas de casa. Acabei de usar o cartão e comprei vários alimentos, como arroz, feijão, macarrão e outros”, afirmou.
O proprietário do supermercado onde João realizou as compras, Anderson Luiz, já enxerga o impacto efetivo no comércio com as vendas realizadas através do cartão do Bolsa Presença, que é aceito em seu estabelecimento. “Ressalto a importância do benefício do Bolsa Presença para o nosso comércio local, pois o mesmo contribui de forma positiva na economia da nossa cidade e vem melhorando o movimento comercial”, salientou.
Sobre o programa – O benefício do Bolsa Presença é por família, mas o aluno pode acumular com os demais benefícios que recebe, ou seja, os R$ 55, por parcela, do vale-alimentação estudantil e os R$ 100 se for monitor do programa Mais Estudo. O Bolsa Presença, o Mais Estudo e o Vale-alimentação Estudantil somam mais de R$ 410 milhões de recursos próprios do Estado da Bahia.
Além de a família estar cadastrada no CadÚnico, as condições para que o aluno matriculado receba o auxílio Bolsa Presença são: assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar em que esteja matriculado, com frequência mínima de 75%; participação do estudante e da sua família nas atividades e avaliações escolares; desenvolvimento do projeto de vida e intervenção social; e manutenção atualizada dos dados cadastrais na unidade escolar e no CadÚnico.
Consulta – A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) disponibilizou um link para a consulta sobre o direito ao Programa Bolsa Presença. A consulta pode ser feita através do sistema SIADIANTE, da SEC, pelo endereço https://bit.ly/2Ri1WrX. Quem não tem acesso à internet poderá ligar para a escola e solicitar a consulta no sistema.